Parabéns em Dose Dupla!!!!!!

Padrão


Hoje, 12 de março, as cidades-irmãs pernambucanas Olinda e Recife fazem aniversário, estão completando 477 e 475 anos, respectivamente. Ambas quase tão antigas quanto o Brasil.

Olinda, cidade  que se tornou Patrimônio Histórico da Humanidade nasceu em uma colina de onde a visão se projeta o oceano. Tal localização teve razões estratégicas além da beleza paisagística: do alto, era mais fácil combater invasores vindos pela costa em busca de riquezas naturais.

Recife  encanta à primeira vista. A exemplo de outras cidades portuárias nasceu e se desenvolveu em torno do seu porto. Cortada por extensos rios e pontes, misturam-se, beleza, cultura,história, e um encantado cenário a beira-mar .

Há programações nas duas cidades para comemorar os parabéns:

Na Cidade Patrimônio, a comemoração começa às 6h, com o repique dos sinos das igrejas do Sítio Histórico. Na parte da tarde, às 16h, o prefeito Renildo Calheiros sanciona a lei que cria a Política Municipal do Livro, da Leitura, da Literatura e das Bibliotecas de Olinda. A lei foi proposta pelo vereador Marcelo Santa Cruz e foi amplamente discutida com a sociedade civil. Os encontros foram realizados sob a coordenação da Secretaria de Patrimônio e Cultura de Olinda. Além das políticas públicas voltadas para questões de leitura, a lei é a primeira a garantir a acessibilidade para pessoas portadoras de necessidades especiais. O prefeito Renildo também sanciona a lei que cria em Olinda o Dia Municipal da Poesia Popular.
Dando sequência as comemorações, será lançado o livro Olinda: Um Presente do Passado, do escritor olindense Carlos Bezerra Cavalcanti. Na publicação, o autor oferece um rico roteiro sobre a antiga Marim dos Caetés além de traçar um relato dos principais acontecimentos da história da cidade.

No Recife, tudo começa com o corte do bolo na Praça do Arsenal, às 18h. O evento contará com a participação da Orquestra 100% Mulher e do Bloco O Bonde. Às 20h, no Marco Zero, ocorre o show “Recife em Canto”. O roteiro promoverá encontros inusitados entre artistas, sempre com foco na música pernambucana. Entre as parcerias, Luiza Possi e Nena Queiroga; André Rio e Emílio Santiago; Joelma e Chimbinha; Elba Ramalho e Almir Rouche; Cristina Amaral e Liv Moraes; Nádia Maia e Paulinho Leite.No repertório, canções tradicionais com novas releituras, como “Último regresso” (Getúlio Cavalcanti), “Pelas ruas que andei” (Alceu Valença), “Minha cidade” (Luga Queiroga) e “Recife Nagô” (J. Michiles). No evento, também será apresentada a canção “12 de março”, composta por André Rio, Fábio Trummer e DJ Dolores.

Como uma empresa totalmente pernambucana, a Portofit comemora e se orgulha junto com todos vocês  a bela história das duas cidades!!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s